Banco de dados de questões sobre Geografia
questões de vestibulares
|
 

Questões Geografia

REF. Pergunta/Resposta
origem:Mackenzie
tópico:
Economia-Brasil

sub-grupo:Geografia

pergunta:O corredor de exportação do Rio Grande do Sul, que tem como terminal o porto do Rio Grande escoa:
a) soja, carnes, arroz e manufaturados.
b) café, óleo vegetal, milho e carvão.
c) minério de ferro, carvão, soja e trigo.
d) óleos, fertilizantes, cana-de-açúcar e fumo.
e) madeira, couros, juta e calçados.




resposta:[A]

origem:Mackenzie
tópico:
Economia-Brasil

sub-grupo:Geografia

pergunta:Indique, entre as alternativas a seguir, a que melhor caracteriza a via fluvial que aparece no mapa.
(imagem abaixo)

a) Formada pela junção dos rios Grande e Paranaíba, lidera uma bacia com rios essencialmente de planalto, apresentando assim grande potencial hidráulico.
b) Considerada uma bacia independente, desemboca fora do Brasil e ultimamente tem merecido maior atenção porque os seus portos foram considerados, os melhores do país.
c) Relativamente extensa, totalmente de planície, tem suas cheias reguladas pelas chuvas de outono e inverno.
d) Tem suas origens na Serra de Tabatinga, recebe afluentes procedentes do Planalto Central e com grande volume de água, transforma-se no maior potencial hidráulico do país.
e) Desde as suas nascentes e por todo o território que atravessa, é encachoeirada, retratando a natureza planáltica da região e a presença de grandes represas, como a de Três Marias.



resposta:[A]

origem:outros vestibulares
tópico:
Economia-Brasil

sub-grupo:Geografia

pergunta:Sistema de navegação de Cabotagem consiste:
a) transporte graneleiro.
b) ligação entre países.
c) ligação entre portos no mesmo país.
d) transporte de veículos.
e) transporte de "containers".




resposta:[C]

origem:outros vestibulares
tópico:
Economia-Brasil

sub-grupo:Geografia

pergunta:Sistema de transporte mais utilizado no Brasil:
a) ferroviário.
b) hidroviário.
c) aeroviário.
d) metroviário.
e) rodoviário.




resposta:[E]

origem:Mackenzie
tópico:
Economia-Brasil

sub-grupo:Geografia

pergunta:I - Os maiores adensamentos estão na região Sudeste.
II - Os diferentes tipos de bitola dificultam a integração da rede ferroviária.
III - A substituição lenta das rodovias pelas ferrovias vem aumentando a participação dos trens no interior.

Relativamente à malha ferroviária brasileira, considere as afirmações anteriores. Então:
a) todas estão corretas.
b) somente I está correta.
c) todas estão incorretas.
d) somente I e II estão corretas.
e) somente II está correta.




resposta:[D]

origem:Ufrrj
tópico:
Economia-Brasil

sub-grupo:Geografia

pergunta:A febre viária dos anos 50 e 60 não mudou apenas a forma - aparência do Rio de Janeiro; passou a exigir também transformações no seu conteúdo. Com efeito, a busca de melhor acessibilidade interna e externa ao núcleo metropolitano trouxe de volta a antiga prática da cirurgia urbana, cujos efeitos se fizeram sentir nos bairros que estavam no caminho das novas vias expressas, túneis e viadutos...
Texto adaptado de OLIVA, Jaime e GIANSANTI, Roberto. "Temas da Geografia do Brasil". São Paulo, Atual, 1999. p.298.

Os problemas urbanos retratados no texto são decorrentes
a) do êxodo rural, na época, que fez crescer demasiadamente a população da cidade.
b) do número excessivo de viadutos e vias expressas construídos nos anos 50 e 60, na cidade.
c) da "vaidade" urbana da prefeitura da cidade, preocupada com a aparência da metrópole.
d) da falta de planejamento urbano associada ao crescimento do transporte rodoviário.
e) do número crescente de trabalhadores que passaram a morar no núcleo metropolitano.




resposta:[D]

origem:Mackenzie
tópico:
Economia-Brasil

sub-grupo:Geografia

pergunta:O BNDES planeja ressuscitar o transporte ferroviário de passageiros no Brasil. Inicialmente, nove regiões deverão ser beneficiadas com a implantação de trens em trechos com extensão entre 60km e 200km, ligando ao menos duas cidades de no mínimo 100 mil habitantes. A idéia é aproveitar os trilhos ferroviários que aqui vêm sendo abandonados (...)
("Folha de São Paulo" - 07/08/2000)

Associando o texto aos conhecimentos que se têm das redes ferroviária e urbana do Brasil, é INCORRETO afirmar que:
a) a implantação deverá privilegiar a fachada litorânea do país.
b) o sistema poderá integrar o litoral ao interior do país.
c) a região Sudeste oferece boas condições para a implantação.
d) a Zona da Mata Nordestina atende às exigências necessárias para a implantação.
e) o sistema poderá integrar as regiões Sudeste e Sul.




resposta:[B]

origem:Ufc
tópico:
Economia-Brasil

sub-grupo:Geografia

pergunta:O crescimento do turismo no litoral cearense tem acarretado diferentes mudanças no espaço geográfico. Com relação à infra-estrutura de transporte atualmente existente, cite quais são os impactos positivos e negativos sobre o espaço geográfico provocados pelos meios de acesso às principais áreas turísticas.



resposta:

origem:Ufes
tópico:
Economia-Brasil

sub-grupo:Geografia

pergunta:"A greve expôs falhas no sistema de transportes [...]. O Brasil depende demais das estradas. Cerca de 65% da carga transportada no país viaja por rodovias e pouca coisa é feita sem o caminhão."
"Veja", 4/8/99, p. 38.

Sobre a questão dos transportes e com base no texto acima, NÃO é correto afirmar que
a) a deterioração e a necessidade de asfaltamento sistemático das estradas brasileiras são preocupações constantes que atingem o governo em relação à segurança dos meios de transporte e à diminuição do tempo de percurso dos fluxos de bens.
b) o atual modelo de desenvolvimento econômico brasileiro propiciou o crescimento do transporte rodoviário, gerando distorções técnicas, econômicas e éticas.
c) a falta de uma política agrícola mais coerente em termos de alimentos para o mercado interno propicia fluxos que contrariam qualquer política econômica, uma vez que os produtos agrícolas "passeiam" pelas estradas do país.
d) o transporte rodoviário transfere produtos perecíveis, em equipamentos muitas vezes não especializados, a enormes distâncias, cruzando regiões de clima tropical e equatorial.
e) a queda das taxas de crescimento fez com que a indústria automobilística brasileira deixasse de ser fornecedora hegemônica para o sistema de transporte de carga brasileiro.




resposta:[E]

origem:Pucmg
tópico:
Economia-Brasil

sub-grupo:Geografia

pergunta:Responda a esta questão utilizando seus conhecimentos e tomando o gráfico seguinte como base.
(imagem abaixo)

Considerando a localização das grandes concentrações industriais, associadas às condições naturais, não se justifica a utilização do modelo de transporte:
a) pelo Japão.
b) pela França.
c) pela Alemanha.
d) pelo Brasil.
e) pelos Estados Unidos.



resposta:[D]

origem:Pucpr
tópico:
Economia-Brasil

sub-grupo:Geografia

pergunta:A importância do porto de Paranaguá para a economia do Estado do Paraná, na década de 1990, deve-se:
a) ao tipo de produção agrícola voltada para a exportação implantada no Estado.
b) aos investimentos realizados pelo governo estadual no setor industrial, transformando o Estado do Paraná no primeiro pólo industrial do Mercosul.
c) à sua boa situação geográfica (do porto de Paranaguá) que atrai ferrovias e rodovias de escoamento, integradas ao anel rodoferroviário do Estado e interligadas com Santa Catarina.
d) aos custos portuários baixos e excelente estrutura de armazenagem.
e) à situação geográfica da região metropolitana de Curitiba, próxima ao litoral.




resposta:[E]

origem:Unesp
tópico:
Geografia

sub-grupo:Geografia

pergunta:(Unesp 2013) História em quadrinhos

A análise da ação e do diálogo das personagens demonstram que

(A) não existe legislação brasileira específica para a conservação das florestas nas propriedades privadas.
(B) a economia verde impede a implantação de modelos econômicos ligados ao desenvolvimento sustentável.
(C) a implantação de áreas de reflorestamento sem fins econômicos é um processo inócuo para a solução do quadro de degradação ambiental.
(D) a conservação das florestas favorece a implantação de modelos econômicos sem sustentabilidade.
(E) a destruição das florestas reflete a tendência antagônica entre o crescimento econômico e a conservação ambiental.





resposta:[E]

 


Próxima Página »

Página 1 de 3