Banco de dados de questões do vestibular Ufal
questões de vestibulares
|
 

Questões Ufal

REF. Pergunta/Resposta
origem:Ufal-2000
tópico:
Economia-Mundial

sub-grupo:Politica Econômica

pergunta:"Uma expansão violenta por parte dos Estados, ou de sistemas políticos análogos, da área territorial da sua influência ou poder direto, e formas de exploração econômicas em prejuízo dos Estados ou povos subjugados, geralmente conexas com tais fenômenos..."

O texto, de autoria de Norberto Bobbio, expressa o conceito de
a) liberalismo.
b) dependência.
c) imperialismo.
d) socialismo.
e) globalização.



resposta:
[C]

origem:Ufal-2000
tópico:
Economia-Mundial

sub-grupo:Indústrias

pergunta:Considere as afirmações abaixo, sobre as mudanças recentes no espaço industrial norte-americano.

I. A expressão "rust belt" (cinturão da ferrugem) foi criada, nos Estados Unidos, para designar as áreas ao redor dos Grandes Lagos, onde se concentravam as indústrias siderúrgicas, metalúrgicas e automobilísticas, muitas delas desativadas durante a década de 1980.

II. O Programa Espacial, gerido pela Agência Espacial Norte Americana (NASA) durante a Guerra Fria, foi o pólo impulsor das novas áreas industriais que se desenvolveram no sul dos Estados Unidos durante as décadas de 1960 e 1970.

III. Na década de 1970, um novo setor industrial se desenvolveu no meio-oeste, a partir de incentivos governamentais, baseado na reciclagem de materiais metálicos para reutilização na indústria automobilística.

IV. As indústrias têxteis e alimentícias deslocaram-se da antiga área industrial do nordeste dos Estados Unidos para o sul da Califórnia, cujo fator principal de atração industrial deve-se ao clima quente e seco.

São corretas SOMENTE
a) I e II
b) I e III
c) II e III
d) II e IV
e) III e IV



resposta:
[A]

origem:Ufal-2000
tópico:
Economia-Brasil

sub-grupo:Agropecuária

pergunta:Considere o gráfico apresentado abaixo.
(imagem abaixo)

(Melhem Adas. "Panorama Geográfico do Brasil". São Paulo: Moderna, 1998. p. 407.)

A partir dos dados apresentados e de seus conhecimentos sobre a estrutura agrária brasileira, pode-se concluir que
a) os estabelecimentos com mais de 1.000ha são os mais produtivos, visto que os proprietários não necessitam utilizar toda a área disponível para a produção agrícola.
b) as pequenas propriedades e os minifúndios no Brasil caracterizam-se por um maior grau de utilização da terra para a agricultura.
c) as propriedades entre 10 e 1.000ha apresentam maior equilíbrio na utilização da terra para a agricultura, mantendo grandes áreas de vegetação nativa.
d) a maior parte das propriedades com mais de 1.000ha situam-se em áreas de proteção ambiental, e por isso não podem ser usadas para a agricultura.
e) há um grande desequilíbrio na utilização da terra pelos proprietários de pequenas propriedades e minifúndios, já que a maior área é ocupada pela lavoura temporária.


resposta:
[B]

origem:Ufal-2000
tópico:
Economia-Brasil

sub-grupo:Extrativismo Mineral

pergunta:Conhecido como Projeto Grande Carajás, este empreendimento implicou na construção de grandes equipamentos de infra-estrutura na região Norte, dentre os quais destacam-se:
a) a usina hidrelétrica de Tucuruí, o porto de Itaqui no Maranhão e a Estrada de Ferro Carajás.
b) a Zona Franca de Manaus, a rodovia Transamazônica e a usina hidrelétrica de Tucuruí.
c) o projeto SIVAM, a Zona Franca de Manaus e a Companhia Siderúrgica Nacional no Pará.
d) a usina hidrelétrica de Balbina, a rodovia Belém-Brasília e o porto de Itaqui no Maranhão.
e) o porto de Tubarão no Pará, a Zona Franca de Manaus e a Estrada de Ferro Carajás.



resposta:
[A]

origem:Ufal-2000
tópico:
Economia-Brasil

sub-grupo:Extrativismo Mineral

pergunta:Como estratégia de desenvolvimento nacional e regional, pode-se afirmar que o Projeto Grande Carajás
a) obteve pleno êxito em seus objetivos, propiciando uma redução significativa na dívida externa brasileira, através dos recursos obtidos com a exportação de minério de ferro.
b) contribuiu para o desenvolvimento industrial da região Norte, através dos incentivos que permitiram a instalação de indústrias siderúrgicas nos Estados do Pará, Maranhão e Tocantins.
c) beneficiou apenas a região Norte do país, ao concentrar o desenvolvimento industrial nos Estados do Pará e Amazonas, através da criação de "zonas francas" voltadas para a exportação de minérios.
d) ficou comprometido em seus objetivos devido, principalmente, ao grande endividamento governamental para sua implantação e os baixos preços do minério de ferro no mercado internacional.
e) não alcançou seus objetivos devido à pressão de grupos indígenas e ambientalistas, os quais forçaram o governo brasileiro a diminuir a extração e a exportação de minério de ferro na região.



resposta:
[D]

origem:Ufal-2000
tópico:
Questoes-ambientais-Brasil

sub-grupo:Preservação de Recursos Hidrícos

pergunta:Na região Nordeste, o litoral alagoano destaca-se por suas lagoas costeiras. A lagoa do Mundaú, em especial, apresenta um importante conjunto de ecossistemas, agrupando manguezais, restingas e campos de dunas, tornando a lagoa um grande viveiro de peixes. Sua proximidade da capital Maceió e o crescimento econômico e urbano do Estado, no entanto, tem afetado diretamente esse ecossistema devido ao
a) uso dessa lagoa como fonte para irrigação da cultura da cana, pelas usinas de açúcar e álcool de Maceió e municípios próximos.
b) incremento da pesca artesanal, motivado pelo aumento no consumo de pescados e frutos do mar.
c) lançamento dos esgotos urbanos, dos resíduos industriais e das usinas de açúcar e álcool.
d) "efeito estufa", provocado pelo lançamento de resíduos das usinas de açúcar e álcool na atmosfera.
e) aumento das áreas plantadas com coco, motivado pelo crescente consumo desta fruta nos mercados do Sudeste e Sul.



resposta:
[C]

origem:Ufal-2000
tópico:
Economia-Brasil

sub-grupo:Extrativismo Mineral

pergunta:Na indústria alagoana, apesar do predomínio do setor têxtil e alimentício, tem destaque a indústria extrativa mineral, em especial na produção de
a) ferro e alumínio.
b) carvão mineral e petróleo.
c) bauxita e ferro
d) petróleo e sal gema.
e) amianto e carvão mineral.



resposta:
[D]

origem:Ufal-2000
tópico:
Economia-Brasil

sub-grupo:Agropecuária

pergunta:Analise as afirmações sobre o processo da formação do território brasileiro no qual pode-se distinguir diferentes eixos de ocupação ligados às atividades econômicas.

( ) A pecuária, praticada em caráter extensivo, foi de importância fundamental na ocupação da região Norte, em especial no vale do Rio Amazonas.
( ) A mineração deu o impulso fundamental para a ocupação de áreas no interior do país, durante o período colonial.
( ) Na região Nordeste, a cultura da cana-de-açúcar foi responsável pela ocupação inicial do litoral, a Zona da Mata, avançando posteriormente para o Agreste.
( ) O café deu grande impulso à economia do Sudeste, promovendo uma maior ocupação do interior do Estado de São Paulo.
( ) Além da pecuária e da cana-de-açúcar, o cacau, o tabaco e o algodão também foram importantes na constituição do espaço econômico nordestino.



resposta:
F V V V V

origem:Ufal-2000
tópico:
Economia-Mundial

sub-grupo:

pergunta:Observe a tabela.
(imagem abaixo)

Analise as afirmativas sobre a tabela apresentada.

( ) Embora pequeno, o crescimento da economia mundial pode ser suficiente para diminuir o desemprego mundial.

( ) Os processos de globalização e expansão do capital diminuíram desde o início dos anos 90 e por isso os países têm crescido menos.

( ) Os países de maior participação na produção e no comércio mundiais são aqueles que mais aumentaram o PIB.

( ) Neste final de século aumenta a diferença econômica entre países ricos e pobres.

( ) Mesmo com baixo crescimento do PIB, muitas economias de países em desenvolvimento têm conseguido sua independência econômica.


resposta:
F F V V F

origem:Ufal-2000
tópico:
Geografia-Humana

sub-grupo:População Brasileira

pergunta:Pode-se distinguir inúmeras características da população brasileira neste final de século.

( ) Aumento significativo do desemprego e do trabalho informal devido ao fechamento de postos de trabalho e modernização da produção.

( ) Diminuição das taxas de fertilidade sobretudo nas áreas urbanas onde o trabalho feminino e os meios de orientação são responsáveis pelo planejamento familiar.

( ) Redução relativa e absoluta do número de velhos acima de 60 anos devido à precariedade dos sistemas de saúde e previdência.

( ) Movimentos migratórios em declínio acentuado devido às políticas sociais desenvolvidas pelo governo federal.

( ) Diminuição sensível do número de pobres devido às políticas de redistribuição de renda promovidas pelo neoliberalismo em vigor no País.



resposta:
V V F F F

origem:Ufal-2000
tópico:
Questoes-ambientais-Brasil

sub-grupo:Questões Ambientais - Atmosfera

pergunta:Considere as proposições sobre os impactos ambientais no Brasil.

( ) Com uma industrialização pequena e em crise, o País ainda não sente os efeitos da chuva ácida e do efeito estufa.

( ) O processo de desertificação em curso em algumas áreas do País tem como uma de suas causas o uso inadequado do solo agrícola.

( ) O problema das "ilhas de calor" só é sentido nas áreas de baixa latitude onde a incidência dos raios solares se combina com a ausência de vegetação natural.

( ) Vários tipos de vegetação original como o mangue e a mata das araucárias têm recebido proteção especial e se recomposto rapidamente, voltando a cobrir grandes extensões do território nacional.

( ) Os garimpos de ouro na região Norte não têm provocado problemas ambientais.



resposta:
F V F F F

origem:Ufal-2000
tópico:
Questoes-ambientais-Brasil

sub-grupo:Biodiversidade

pergunta:Analise as proposições sobre a devastação da Floresta Amazônica.

( ) A devastação da floresta, realizada nos últimos 30 anos pode ser observada apenas no estado do Pará.

( ) A atividade agropastoril é considerada por muitos como o principal fator de desmatamento na Amazônia.

( ) A maior parte das empresas madeireiras que atuam na região pertencem a sulistas e nordestinos.

( ) A madeira de lei extraída da Amazônia é consumida internamente, principalmente na produção de móveis e artefatos de madeira.

( ) Na região amazônica a retirada das árvores torna seu solo pobre e sujeito à erosão.



resposta:
F V F F V

 


Próxima Página »

Página 1 de 3