Banco de dados de questões sobre Crise de 29
questões de vestibulares
|

 

Questões Crise de 29

REF. Pergunta/Resposta
origem:Unicamp
tópico:
Historia

sub-grupo:Crise de 29

pergunta:"Uma família isolada mudava-se de suas terras. O pai pedira dinheiro emprestado ao banco e agora o banco queria as terras. A companhia das terras quer tratores em vez de pequenas famílias nas terras. Se esse trator produzisse os compridos sulcos em nossa própria terra, a gente gostaria do trator, gostaria dele como gostava das terras quando ainda eram da gente. Mas esse trator faz duas coisas diferentes: traça sulcos nas terras e expulsa-nos dela. Não há quase diferença entre esse trator e um tanque de guerra. Ambos expulsam os homens que lhes barram o caminho, intimidando-os, ferindo-os." (John Steinbeck, AS VINHAS DA IRA, 1972)
a) De acordo com o texto, como pode ser caracterizada a situação do camponês norte-americano após a crise de 1929?
b) Cite duas medidas adotadas pelo programa de reformas de Roosevelt (New Deal) para solucionar os problemas sociais criados pela crise de 1929.




resposta:a)Os camponeses ficaram arruinados, desempregados e em condições totalmente precárias
b) Entre as várias medidas adotadas pelo programa de Roosevelt (New Deal) as principais eram: o investimento maciço em obras públicas e o controle dos preços e da produção.

origem:Fuvest
tópico:
Historia

sub-grupo:Crise de 29

pergunta:"A crise atingiu o mundo inteiro. O operário metalúrgico de Pittsburgo, o plantador de café brasileiro, o artesão de Paris e o banqueiro de Londres, todos foram atingidos". (Paul Raynaud - LA FRANCE A SAUVÉ L EUROPE, T. I. Flamarion ) O autor se refere à crise mundial de 1929, iniciada nos Estados Unidos, da qual resultou:
a) o abalo do liberalismo econômico e a tendência para a prática da intervenção do Estado na economia.
b) o aumento do número das sociedades acionárias e da especulação financeira.
c) a expansão do sistema de crédito e do financiamento ao consumidor.
d) a imediata valorização dos preços da produção industrial e fim da acumulação de estoques.
e) o crescimento acelerado das atividades de empresas industriais e comerciais, e o pleno emprego.




resposta:[A]

origem:Unicamp
tópico:
Historia

sub-grupo:Crise de 29

pergunta:Após a 1 Guerra Mundial os Estados Unidos se tornaram o país mais rico do mundo, consolidando o chamado "sonho americano". Essa riqueza provinha em grande parte do crescimento e do avanço técnico da indústria, o que por um lado resultava na maior oferta de produtos industrializados baratos, mas por outro ocasionava um crescente desemprego de operários substituídos por máquinas. O desemprego e as altas aplicações de dinheiro no mercado de ações ajudaram a desencadear uma crise de repercussão mundial. Identifique essa crise e analise suas principais conseqüências para os Estados Unidos.



resposta:Crise de 29- Foi o pior e o mais longo período de recessão econômico (durante o século XX ), por conta do colapso na produção ocasionando á superprodução, deixando os Estados Unidos em uma grande crise econômica.

origem:Unesp
tópico:
Historia

sub-grupo:Crise de 29

pergunta:A crise capitalista desencadeada em 1929 nos EUA e na Europa Ocidental estendeu-se para a América Latina contribuindo para:
a) a revogação de todas as tarifas protecionistas, o intervencionismo estatal e a substituição de importações.
b) abalar o poder das oligarquias e o surgimento de regimes populistas e ditaduras conservadoras.
c) a modernização do campo através do deslocamento de mão-de-obra que sobrevivia precariamente nas cidades.
d) Juan Domingo Perón destacar-se como governante populista no México.
e) a ruptura da estrutura de espoliação do povo latino-americano.




resposta:[B]

origem:Cesgranrio
tópico:
Historia

sub-grupo:Crise de 29

pergunta:O Entre-Guerras (1918-1939) pode ser considerado, no seu conjunto, como um período de crises econômicas. Assinale a opção que expressa corretamente um problema relacionado às conjunturas desse período:
a) A rápida recuperação da produção européia foi impulsionada pelos novos mercados abertos pela expansão colonial.
b) A crise alemã de 1924 representou um desdobramento da decadência da economia dos EUA, o principal centro econômico do mundo.
c) A crise de 1929, iniciada nos EUA, propagou-se rapidamente, pelos países capitalistas, cujas economias estavam em interdependência com a norte-americana.
d) Os desajustes da economia mundial tiveram como principal causa o abalo provocado pela Revolução Russa.
e) A reconversão foi caracterizada pela expansão da industrialização, em escala mundial, principalmente em economias periféricas.




resposta:[C]

origem:Fuvest
tópico:
Historia

sub-grupo:Crise de 29

pergunta:Sobre a crise do capitalismo, na década de 1930, e o colapso do socialismo, na década de 1980, pode-se afirmar que:
a) a primeira reforçou a concepção de que não se podia deixar uma economia ao sabor do mercado, e o segundo a de que, uma economia não funciona sem mercado.
b) ambos levaram à descrença sobre a capacidade do Estado resolver os problemas colocados pelo desemprego em massa.
c) assim como a primeira, também o segundo está provocando uma polarização ideológica que ameaça o Estado de Bem-estar Social.
d) ambos, provocando desemprego e frustração, fizeram aparecer agitações fascistas e terroristas contando com amplo respaldo popular.
e) enquanto a primeira reforçou a convicção dos defensores do capitalismo, o segundo fez desaparecer a convicção dos defensores do socialismo.




resposta:[A]

origem:Unirio
tópico:
Historia

sub-grupo:Crise de 29

pergunta:A grave crise econômico-financeira que atingiu o mundo capitalista, na década de 30, tem suas origens nos Estados Unidos. A primeira medida governamental que procurou, internamente, solucionar essa crise foi o "New Deal", adotado por Roosevelt, em 1933. Uma das medidas principais desse programa foi o(a):
a) encerramento dos investimentos governamentais em obras de infra-estrutura.
b) fim do planejamento e da intervenção do Estado na economia.
c) imediata suspensão da emissão monetária.
d) política de estímulo à criação de novos empregos.
e) redução dos incentivos à produção agrícola.




resposta:[D]

origem:
tópico:
Historia

sub-grupo:Crise de 29

pergunta:Após a Primeira Guerra Mundial, a febre de negócios baseada na especulação provocou a Crise de 1929. Identifique, nas alternativas a seguir, os principais fatos que a produziram.
a) Aparecimento de ideologias como o Fascismo e o Nazismo.
b) Superprodução de mercadorias e saturação dos mercados consumidores.
c) Retraimento do crédito e proibição das exportações.
d) Equilíbrio entre a agricultura e o comércio.
e) Má colheita e demanda ilimitada da indústria.




resposta:[B]

origem:Unicamp
tópico:
Historia

sub-grupo:Crise de 29

pergunta:"Violar a lei tornou-se um verdadeiro business*, fonte de imensos lucros, dirigido por profissionais com a concordância de muitas pessoas honestas... É preciso reconhecer que burlar a Lei Seca exigia um verdadeiro esforço intelectual... Tratava-se de conseguir a mercadoria, de entregá-la, vendê-la, em suma de conquistar uma freguesia... Os acertos de contas se faziam abertamente... Mais de mil assassinatos marcaram a guerra do gim em Manhattan." (Anka Muhlstein, A ILHA PROMETIDA: A HISTÓRIA DE NOVA YORK DO SÉCULO AOS NOSSOS DIAS. S.P.: Cia. das Letras, 1991, p.186 e 187.) *business: negócio.
a) Por que a Lei Seca foi votada e aprovada nos Estados Unidos em 1917?
b) Por que a violação da Lei Seca nos Estados Unidos se tornou, ao mesmo tempo, crime e caminho para a ascensão social?




resposta:

origem:
tópico:
Historia

sub-grupo:Crise de 29

pergunta:"(...) Há neste momento nos Estados Unidos cerca de 14 milhões de desempregados, e, como muitos deles têm família, 20 a 30 milhões de homens e mulheres vivem de esmolas, privadas ou públicas (...). O espetáculo de uma grande nação de que um quarto se encontra reduzido à impotência produz emoções bem mais fortes do que uma estatística em preto e branco. Desde que põe pé neste país, o estrangeiro compreende de repente que em nenhum momento a Europa imaginou a dolorosa intensidade da depressão dos Estados Unidos." (MAUROIS, André, ESTALEIROS AMERICANOS. 1933) A recuperação econômica dos EUA, após a Crise de 1929, ocorreu através do NEW DEAL (1933-1938). Todas as alternativas apresentam instrumentos de ação do NEW DEAL, EXCETO:
a) A administração de Reassentamento, que transferiu famílias que ocupavam terras de qualidade inferior.
b) A Lei Anti-Truste, que proibia o controle de 60% do mercado por uma empresa ou associação de empresas.
c) A Lei da Cerveja e do Vinho e da Vigésima Primeira Emenda, que pôs fim à Lei Seca.
d) A Lei de Assistência Civil à Conservação e ao Reflorestamento, que criava frentes de trabalho para os jovens e desempregados.
e) A Lei do Ajustamento Agrícola, que subsidiava os fazendeiros que reduzissem a sua produção.




resposta:[B]

origem:
tópico:
Historia

sub-grupo:Crise de 29

pergunta:A crise econômica de 1929, por sua profundidade e extensão, atingiu todo o mundo ligado ao capitalismo. Quais foram os efeitos dessa crise no Brasil, sob os aspectos econômico e político?



resposta:A crise de 29 provocou uma queda nas exportações (principalmente do café), fazendo "cair"a política dominante e precipitando a Revolução de 30.

origem:Unesp
tópico:
Historia

sub-grupo:Crise de 29

pergunta:Em seu discurso de posse na presidência dos Estados Unidos, Roosevelt, em 1933, acusava a profunda crise econômica e social: "... grande quantidade de cidadãos desempregados vê surgir à sua frente o problema sinistro de existência, e um número igualmente grande labuta com escassa remuneração." Ao mesmo tempo, Roosevelt propunha: "Esta nação exige ação, e ação imediata." (Franklin Delano Roosevelt, DOCUMENTOS HISTÓRICOS DOS ESTADOS UNIDOS). Esta ação deu-se através de uma nova política econômica, o NEW DEAL. Apresente duas características desta política.



resposta:a)O presidente que governava o país era Jânio da Silva Quadros.
b)Jânio pretendia não deixar outros países influenciar na política brasileira, criando assim uma certa independência política.

 


Próxima Página »

Página 1 de 6