Banco de dados de questões do vestibular Ufsm
questões de vestibulares
|

 

Questões Ufsm

REF. Pergunta/Resposta
origem:Ufsm-1999
tópico:
Historia

sub-grupo:Mercantilismo

pergunta:O mercantilismo, enquanto conjunto de políticas adotadas na transição entre o feudalismo e o capitalismo, tinha, como princípios e práticas, I. exportar cada vez mais e importar cada vez menos, a fim de obter uma balança comercial favorável e reter metais preciosos. II. desenvolver o livre comércio colonial, independente da nacionalidade das embarcações, opondo-se a qualquer intervenção estatal na economia. III. estimular a exportação de metais preciosos e a importação de produtos manufaturados, a fim de intensificar a utilização de navios estrangeiros. IV. incentivar a produção nacional agrícola e manufatureira e desestimular as importações de mercadorias. V. adotar, dentro dos preceitos do pacto colonial, políticas que permitissem às colônias um bom desenvolvimento econômico, possibilitando a ruptura com suas metrópoles. Está(ão) correta(s)
a) apenas I.
b) apenas I e IV.
c) apenas II e V.
d) apenas II e III.
e) apenas III, IV e V.



resposta:
[B]

origem:Ufsm-1999
tópico:
Historia

sub-grupo:Revolução Industrial

pergunta:A Revolução Industrial I. ocorreu na Inglaterra, durante o século XVIII, devido ao excesso de capitais oriundos do comércio internacional. II. criou uma estrutura fabril que provocou o deslocamento das populações urbanas para o campo. III. ocasionou o surgimento de novas classes sociais: a burguesia industrial e o proletariado urbano. IV. estruturou a organização social em comunidades rurais livres, eliminando a propriedade privada. V. provocou o surgimento de movimentos sociais e ideologias como o anarquismo e o socialismo, alternativas à brutal exploração e às precárias condições de vida do proletariado. Estão corretas
a) apenas I e IV.
b) apenas II e III.
c) apenas I, III e V.
d) apenas II, IV e V.
e) I, II, III, IV e V.



resposta:
[C]

origem:Ufsm-1999
tópico:
Historia

sub-grupo:Revolução Francesa

pergunta:"Liberdade, igualdade e fraternidade" é o lema de um importante movimento social, cujos princípios influenciaram vários movimentos revolucionários no mundo. Esse movimento é a
a) Revolução Americana.
b) Revolução Liberal de 1848, na França.
c) Revolução Gloriosa.
d) Revolução Francesa de 1789.
e) Comuna de Paris em 1871.



resposta:
[D]

origem:Ufsm-1999
tópico:
Historia

sub-grupo:Nazismo e Fascismo

pergunta:A 1 Guerra Mundial decorreu da disputa pela hegemonia mundial entre os principais países imperialistas, agrupados em duas alianças: Tríplice Aliança e Tríplice Entente. O fim do conflito não eliminou as divergências mas, sim, agravou-as, provocando o(a)
a) guerra russo-japonesa pela conquista da Mandchúria.
b) emergência do nazismo na Alemanha e do fascismo na Itália.
c) criação da ONU e da OTAN e guerra na Coréia.
d) agravamento da questão social e organização da Associação Internacional dos Trabalhadores.
e) guerra hispano-americana pela independência de Cuba e anexação de Porto Rico e Filipinas pelos EUA.



resposta:
[B]

origem:Ufsm-1999
tópico:
Historia

sub-grupo:Guerra Fria

pergunta:O fim da 2 Guerra Mundial provocou várias alterações sociais, políticas e econômicas, resultando no(a)
a) "Crack" da bolsa de New York, explosão da 1 bomba atômica e Revolução Cubana.
b) Guerra do Golfo, fundação da sociedade das nações e reunificação alemã.
c) Guerra Civil Espanhola, fundação do estado de Israel e Guerra dos Boxers.
d) Guerra Fria, Independência da Índia e Revolução Chinesa.
e) Revolução Mexicana, instituição do Apartheid e unificação italiana.



resposta:
[D]

origem:Ufsm-1999
tópico:
Historia

sub-grupo:

pergunta:Assinale a afirmativa correta em relação ao processo de colonização da África e da Ásia, realizado pelas principais potências mundiais, nos séculos XIX e XX.
a) O término do Apartheid, na África do Sul, só foi possível pela derrota dos exércitos ingleses na Guerra dos Bôeres.
b) O fim da escravidão, apesar de ser fundamental para a implantação do capitalismo na África, só ocorreu quando o MPLA (Movimento pela Libertação de Angola) tomou o poder em Angola.
c) A conquista colonial teve a finalidade de transformar a África e a Ásia em fornecedores de matérias-primas, consumidores de produtos industriais e receptores de investimentos das potências mundiais.
d) O Japão foi o país asiático que mais se beneficiou das colônias conquistadas na África, pois nelas instalou o seu excedente populacional, entre outros benefícios.
e) A chamada partilha da África foi conseqüência direta do Tratado de Paz de Versalhes, firmado entre os vencedores e os perdedores da 1 Guerra Mundial.



resposta:
[C]

origem:Ufsm-1999
tópico:
historia-Geral

sub-grupo:Relações Históricas

pergunta:Associe as colunas. 1. Subdesenvolvimento 2. Neutralismo 3. Neocolonialismo 4. Apartheid 5. Descolonização ( ) Política defendida na conferência de Bandung (1955) por alguns países afro-asiáticos, ante a oposição entre capitalismo e comunismo. ( ) Estágio em que se encontram países que têm a maioria das atividades econômicas desenvolvida mediante investimentos de capitais estrangeiros e que ostentam grandes desigualdades sociais. ( ) Política que priva os não-brancos de todos os direitos políticos e civis e da maior parte dos direitos humanos. ( ) Processo histórico que se traduziu na obtenção gradativa da independência das colônias européias situadas na África e Ásia. A seqüência correta é
a) 1 - 2 - 3 - 4.
b) 2 - 4 - 3 - 5.
c) 1 - 3 - 5 - 4.
d) 5 - 3 - 2 - 1.
e) 2 - 1 - 4 - 5.



resposta:
[E]

origem:Ufsm-1999
tópico:
historia-Geral

sub-grupo:Relações Históricas

pergunta:A dependência e o subdesenvolvimento dos países do terceiro mundo são agravados pela globalização da economia. Assinale a alternativa INCORRETA em relação aos princípios da globalização.
a) Surgimento de grandes empresas com filiais e instalações em diversos países.
b) Instalação de fábricas em países onde os impostos, a mão-de-obra, as matérias-primas e a proximidade de mercados são mais favoráveis.
c) Transferência diária de bilhões de dólares de um país para outro, através do mercado de capitais (Bolsa de Valores).
d) Proibição de estrangeiros serem acionistas de empresas nacionais dos países chamados subdesenvolvidos.
e) Abertura total dos países dependentes ao comércio exterior.



resposta:
[D]

origem:Ufsm-1999
tópico:
historia-America

sub-grupo:Civilizações Pré-Colombianas

pergunta:"Os guerreiros constituíam um dos grupos mais importantes na sociedade asteca. No início, eram escolhidos entre os indivíduos mais corajosos e valentes do povo. Com o tempo, entretanto, a função de guerreiro começou a ser passada de pai para filho, e apenas algumas famílias, privilegiadas, mantiveram o direito de ter guerreiros entre os seus membros." (KARNAL, Leandro. A CONQUISTA DO MÉXICO. São Paulo: FTD, 1996. p. 13.) O texto faz referência à sociedade asteca, no século XV, a qual era:
a) guerreira e sacerdotal, formada de uma elite política que governava com tirania a massa de trabalhadores escravos negros.
b) igualitária e guerreira, não reconhecendo outra autoridade senão a sacerdotal, que também era guerreira.
c) comunal, com estruturas complexas, sendo dirigida por um Estado que contava com um aparelho administrativo, judiciário e militar.
d) hierarquizada e guerreira, visto que o Imperador era, ao mesmo tempo, o general do exército asteca e o sumo pontífice sacerdotal.
e) igualitária, guerreira e sacerdotal: todo guerreiro era um sacerdote e todo sacerdote era um guerreiro.



resposta:
[D]

origem:Ufsm-1999
tópico:
Historia

sub-grupo:

pergunta:O ano de 1998 marca os quinhentos anos do Descobrimento do Brasil, pois, "Em 1498, D. Manuel ordenava que Duarte Pacheco Pereira navegasse pelo Mar Oceano, a partir das ilhas de Cabo Verde até o limite de 370 léguas [estipuladas pelo Tratado de Tordesilhas]. É esta a primeira viagem, efetivamente conhecida pelos portugueses, às costas do litoral norte do Brasil" (FRANZEN, Beatriz. A presença portuguesa no Brasil antes de 1500. In: ESTUDOS LEOPOLDENSES. São Leopoldo: Unisinos, 1997. p. 95.). Esse fato fez parte
a) da expansão marítimo-comercial européia, que deslocou o eixo econômico do Mediterrâneo para o Atlântico.
b) da expansão capitalista portuguesa, em sua fase mercantil-colonial plenamente consolidada no Brasil.
c) do avanço marítimo português, tendo Duarte Pacheco Pereira papel relevante na espionagem e pirataria no Atlântico.
d) do processo de instalação de feitorias no Brasil, pois Duarte Pacheco Pereira instalou a primeira feitoria, ou seja, São Luiz do Maranhão.
e) das expedições exploradas do litoral brasileiro, cujo papel de reconhecimento econômico e geográfico coube a Duarte Pacheco Pereira.



resposta:
[A]

origem:Ufsm-1999
tópico:
historia-Brasil

sub-grupo:Sistema Colonial Brasileiro

pergunta:"A Guerra Guaranítica foi a revolta dos missioneiros guaranis contra as imposições do Tratado de Madri, que os obrigava a abandonar suas terras, moradias, plantações e rebanhos. O acordo de 1750 favorecia as monarquias ibéricas, defendendo seus interesses na região, mas prejudicava gravemente os indígenas." (QUEVEDO, Júlio. A GUERRA GUARANÍTICA. São Paulo: Ática, 1996. p.29.) Com base no texto, é correto afirmar:
a) Os índios reagiram à dominação colonial, porque defendiam exclusivamente o Império Teocrático organizado pela Igreja Católica, que se sobressaía na América, através da Companhia de Jesus.
b) Os missioneiros guaranis estavam desaculturados do "ser" índio devido à tirania jesuíta, portanto defendiam somente os interesses dos padres.
c) A guerra expressou a luta dos missioneiros guaranis que não queriam se transformar numa espécie de "sem terra" do século XVIII, visto que suas terras foram doadas aos soldados espanhóis.
d) A guerra representou um dos raros momentos de reação indígena, organizada contra as imposições da Coroa e dos colonizadores luso-espanhóis.
e) Os missioneiros guaranis enfrentaram os exércitos luso-espanhóis, porque estavam organizando uma confederação indígena antiespanhola.



resposta:
[D]

origem:Ufsm-1999
tópico:
Historia

sub-grupo:

pergunta:No processo de ruptura do Vice-reinado do Prata com a metrópole, ocorreu a formação do Estado argentino. Nesse processo, o papel preponderante coube ao(s)
a) caudilhos, ou seja, líderes políticos e chefes militares que enfrentaram os chapetones e moldaram o Estado para atender aos seus interesses.
b) burgueses, visto que incrementaram a economia do Estado a ponto de torná-la competitiva e plenamente capitalista.
c) clero, especialmente no que se refere à concretização de independência segundo projeto dos padres Hidalgo e Morelos que previa a soberania plena.
d) criollos que, empolgados com os sucessos da Guerra Guaranítica, romperam os laços da dominação metropolitana.
e) militares que, interessados na apropriação das terras dos índios e na nacionalização das indústrias, instalaram o regime militar na Argentina.



resposta:
[A]

 


Próxima Página »

Página 1 de 14